views 1

Dentro de Um Instante

3030


Já vi meu mar secar
Andei pro vários sóis
Carrego o infinito num instante

Já vi meu mar secar
Andei pro vários sóis
Eu vim de um infinito distante
E essa só pra quem se sente fora do planeta sem análise
E eu estou só de passagem

Nessa vida curta então curta a viagem
Caminhos são de areia eu sempre fujo das miragens
As cartas estão na mesa
E eu tenho todos os ases
Vou toma o mundo inteiro pra mim

Impérios foram feitos pra chegar ao fim
É a minha lei não ser constante
Qualquer espaço é a minha medida pra pensar gigante
Eu trago minhas verdades nessas rimas
Caneto cada uma das minhas sinas
Eu cocrio meu destino determino
A força que me rege vem de cima

Existe uma lei que dita como tudo deve ser
Já vi meu mar secar
Andei pro vários sóis
Carrego o infinito num instante
Já vi meu mar secar
Andei pro vários sóis
Eu vim de um infinito distante
Ei

Andei no mar tipo minha vida é um milagre não me contento com o tempo
Que o infinito consagre nós
Temos que aprender a viver o momento
Hoje não tem nada que eu temo
Confio no que vem de dentro
Na voz

Queimei os pés andei em dois
Acordo no acorde do jazz, mas dormi em más lençóis, queria me cercar de reis, mas acabei a sós, eu vou pra fora do planeta, mas pensando em nós
Eu vi o mar secar e aprendi a fazer o mar abrir
Eu vi porta fechar, mas aprendi a fazer abrir
Eu vivi tanta tempestade hoje faço a chuva cair
Vi tudo em um instante, mas não lhe vi
A vi meu mar secar

Andei pro vários sóis
Carrego o infinito num instante
Já vi meu mar secar
Andei pro vários sóis
Eu vim de um infinito distante

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct