views 9

Guerreiros

Bleyner


tuas mãos
estão em prantos...
este olhar...
toca o chão...

traz o fim...
fome a tantos...
sou guerreiro...
eu nao canto em vão...


palavras ferem mais...
eu sei...
meus pés estão no chão...
e nem sei se o céu é mesmo azul... só sei...
guerreiros são rosas imortais...


armas são brinquedos e voces são garotos maus...
todo o desespero é um corte tão fatal...
tão fatal....


o chão tem gosto sóbrio...
bem firme toca o céu...
armas são sedentas...
guerreiros são seguros...

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct