Desfazer o tempo contando as horas,o
destino segue lento, o momento não demora.
E agora?
acender essa luz que nao consegue mais brilhar
me perder nessa busca por um sol sem seu olhar
me faz mais forte,me aquece e entorpece
pensei que havia um pouco mais pra mim
É preciso ter coragem pra estar só de passagem.
Por isso às vezes decidir ficar é tão covarde.
atuar com a vontade de quem nunca esteve ali
se orgulhar por ter a capacidade de fingir
Calcular o futuro com a exatidão
de quem já perdeu e agora vê o quanto isso foi bom
as marcas me deram novas asase agora eu vou mais longe,bem mais longe
Se a ferida ainda ardevamos agir com verdade
pra que apertar alarmes se não é tão tarde assim?
Sinto a intensidade de te abraçar mais além
e me orgulhar por poder mas nunca precisar fingir

Composição: Vanessa Pondé