O vermelho e branco pendão que tremula
Provoca na gente delírio e alegria
Cheio de razão já dizia o poeta
Que a nossa alma é rica em fantasia
O canto envolvente que a todos encanta
Aquele machado de tempos atrás
Essa pomba branca voando e trazendo a paz
É tanta beleza que não se acaba mais

Essa pomba branca
Voando e trazendo a paz
É tanta beleza
Que não se acaba mais

Sou eu, eu sou
Sou membro da tribo
Maior dessa terra
Que todos procuram
Que o povo espera
Que ninguém segura
Que ninguém supera

Se a bola de neve rolar na cidade
Levando a mensagem sincera e pura
Se o povo que tem uma vida inteira
Só feita de dedicação e ternura
Sentindo o arrepio que corre na pele
Vem da empolgação da vida evoluindo
E muita emoção, vibração demais
Pra esse meu coração de índio
E muita emoção, vibração demais
Pra esse meu coração de índio

Sou eu, eu sou
Sou membro da tribo
Maior dessa terra
Que todos procuram
Que o povo espera
Que ninguém segura
Que ninguém supera

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct