Pudesse eu
Ser o seu grito
Ser o seu mito
Ser o seu tipo
Ser o seu brilho
Em noite clara de luar

Pudesse eu
Ser um cometa
Correr os céus
Buscar planetas
vencer os tempos, nossos momentos
Em noite clara de luar

Pudesse eu
Ser o seu beijo
Ser seu diário
Ser seu horario
Ser o seu corpo
Ser o seu porto
Em noite clara de luar

Pudesse eu
Ser seu bandido
Ser seu herói
Em seu planeta
Vencer os tempos, nosso momentos
Em noite clara de luar.

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct
Written by: Benito Di Paula / Márcio Brandão. Isn't this right? Let us know.