Viradouro - Samba Enredo 2014

Dudu Nobre


Orgulho de ser NiteróI
Reluz no Rio
O meu tesouro
De braços abertos
Olhai por nós
Canta, Viradouro !

Anauê
Guaraci raiou no horizonte
Lá onde a água se esconde
Índio guerreiro lutou
Araribóia venceu
Sopra a brisa do tempo em seu chão
Trilhos da história, evolução
Clareou do barão, a ousadia
Se vilarejo, foi um dia
Ganhou nobreza em seu brasão

Tem a arte do samba no pé
Nesse palco o artista quem é?
Pode apostar, sou eu!
(Sou eu, sou eu)

Que trago o sorriso no rosto
Contemplando a natureza
Divina gentileza floresceu
Na fé, vai a embarcação
O sol refletido no mar
Caminhos que o mestre traçou
Se curvam ao meu cantar
Elo de amor não se desfaz
Ponte que une esperança e paz
Me leva a grandes carnavais

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct
Written by: Diego Tavares / Dilson Marimba / Dudu Nobre / Junior Fraga / Paulo Oliveira / Zé Gloria. Isn't this right? Let us know.
Sent by João. Revised by 2 people . Did you see an error? Send us your revision.