Légua Tirana

views 44

Oh, que estrada mais comprida
Oh, que légua tão tirana
Ai, se eu tivesse asa
Inda hoje eu via a Ana
Quando o sol tostou as folhas
E bebeu o riachão
Fui inté o Juazeiro
Pra fazer uma oração
Tô vortando estrupiado
Mas alegre o coração
Padim Ciço ouviu minhas prece
Fez chovê no meu sertão
Trago um teço pra Das Dores
Pra Reimundo um violão
E pra ela, e pra ela
Trago eu e o coração