É o Que Temos Pra Hoje

Zander


Entre a curva e a razão quem perder
Vence o freio e a noção estamos na contramão
De qualquer decisão, quem vier
Deixa aberta a unção, um brinde é contradição

E vamos em frente sem pensar
Tolice seria desperdiçar o momento exato
Onde a pureza preenche a culpa e o vazio.
E olhos deixam de enxergar
O externo fútil e qualquer padrão
E a verdade é o almoço fervendo é o que temos pra hoje!!!

Entre o certo e o perdão quem ceder
Deixa o vicio a conclusão não é uma competição.
Onde se disseca sobre o ódio já não há mais espaço
Pra uniformidade e preconceitos deixe aberto o portão

E vamos em frente sem pensar
Tolice seria desperdiçar o momento exato
Onde a pureza preenche a culpa e o vazio.
E olhos deixam de enxergar
O externo fútil e qualquer padrão
E a verdade é o almoço fervendo é o que temos pra hoje!!!

Sim. Prestamos atenção
Ao que, nos faz querer
Deixar, certezas e nos desequilibrar
Viver, não tem outra função
E então me desculpe por tirar
O seu falso sossego de merda
Não estamos mais atrás de grades celulares ou celas
E ainda assim iremos confrontar
Nos permitir e continuar
E a verdade é o almoço fervendo é o que temos pra hoje!!!

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct