Se o vento não pára
E a palavra não fala
O tempo me diz
Pra aonde ir
Nem sempre a certeza
De onde quero chegar
Nada é muito claro
Nesses dias vazios
E a janela aberta
E a cortina voando
E o papel no chão
E um disco tocando

Se o vento não pára
E a palavra perdida
A porta que bate
O tempo não para
O disco tocando
O papel riscado no chão
E a cortina voando
É pura ilusão

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct