views 6

Casa Amarela

Alan Ribeiro


Hoje, eu voltei pra minha casa amarela
Onde, um dia, da janela
Vi minha mãe a me acenar
Dizendo, filho, tua estrada te espera

Não se esqueça dessa velha
Vou ficar a te aguardar
Saí feliz, seguindo pela estrada
Nessa minha caminhada
Nem, sequer, olhei pra trás

Não reparei em suas lágrimas de dor
Ali deixei meu grande amor
Segui em frente, fui em paz

E aqui estou, mais uma vez, em minha terra
Com a revolta e a vontade de chorar
Pois, da janela, só ficaram as lembranças
Da minha mãe, quando eu cheguei nesse lugar

Hoje, eu voltei pra minha casa amarela
Onde, um dia, da janela
Vi minha mãe a acenar

Dizendo, filho, tua estrada te espera
Não se esqueça dessa velha
Vou ficar a te aguardar

Saí feliz, seguindo pela estrada
Nessa minha caminhada
Nem, sequer, olhei pra trás

Não reparei em suas lágrimas de dor
Ali deixei meu grande amor
Segui em frente, fui em paz

E aqui estou, mais uma vez, em minha terra
Com a revolta e a vontade de chorar
Pois, da janela, só ficaram as lembranças
Da minha mãe, quando eu cheguei nesse lugar

Eu conquistei tudo aquilo que eu queria
Dinheiro e fama, mas também uma ferida
De que adianta, eu ter tudo nessa vida
Se, nada vale, sem teu abraço
Mamãe, querida

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct