Lembro de teus olhos
Que fitei com tal fervor
Penso no teu corpo
Que enlacei com tanto ardor
Sonhar em vão
Tive a sensação
Que dos braços meus
Jamais um dia tu fugirias
Sem pensar
Que ao rever
Aquele sonho de esplendor
Te amar sem crer
Na esperança que ficou
Para sempre em mim nesta ilusão
A me acenar,a prometer que vais voltar

Porem eu sei
Pra que mentir
Que sempre assim
Vais prosseguir
Ó Meu amor

Mas quem sabe errando a estrada
A saudade a tua porta vai bater
Por mim eu juro,por ti tambem
Por nosso amor,que nunca mais vou te deixar
E assim amor tão puro,seja o que for
Torno a jurar,sei que ninguem vai te ofertar.

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct