Uma noite se luar
A paisagem sempre igual
A imagem se altar
Uma história sem final
Um romance e morrer
Um pedaço de canção
A esperança esquecer
De alguém e a ilusão

Onde amor está a queda
Minha bela serenata
E eu fazia companheiro
Para minha amada
O companheiro hoje e tanto
Apenas a tristeza
Toda mágoa que silêncio
A marquei minha domina
Se pena certeza

Onde amor está a queda
Minha bela serenata
E eu fazia companheiro
Para minha amada
Companheiro está de casa
Contra se certeza
De que já não posso e ver
O brilho das estrelas
A pena, a pena

Prisioneiro de uma curva
Rolam a noite escura que maltrata
Sob do mesmo companheiro
Sabe que a nossa
Vem lembrar minhas alegrias
Velhas melódias
Da ser resta que contigo
A era eu fazia
Que pena, que pena
Que pena, amor

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct