meia-noite,meia-noite,
e eu aqui pensando nela
como as flores que morreram
tão pertinho da janela
quem nunca sofreu de solidão
não devia nem ouvir essa canção
quem nunca teve o privilégio de amar
nunca me entenderá

é por isso que estou
perdido de amor
olhando pro infinito
nela eu não falo mais,
eu não creio mais,
mas no amor ainda acredito

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct