Que ex, que nada, é falecido!
Tá enterrado, não lembro mais nem dele vivo.
Que ex, que nada, é falecido!
Tá enterrado no meu passado, tempo perdido!

Tô nem aí, nem de luto eu fiquei,
Do coisa ruim já me livrei,
Que ex, que nada, é falecido!

Tem gente que achou que ia me ver chorando,
Trancada em casa, me acabando
De tanto sofrer de solidão.
Até parece que vou chorar por quem não me quis
Eu quero mais é ser feliz
E dar um tempo pro meu coração!

Se quer saber, não tenho medo de mais nada,
Alma penada, seu fantasma não vai mais me assombrar!

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct