A luz que vem do céu
Numa noite de luar
É o mesmo alvor que vejo
No azul de teu olhar

Quando estais em meus braços
Há calor e emoção
E no ardor de teus carinhos
Há inspiração

Desde que te encontrei
Amo a lua e odeio o sol
Pois longe estás querido
Da aurora ao arrebol
Anelando as noites calmas
Passo os dias a sonhar
Venturosa porque és meu
Feliz de te amar

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct
Written by: Nazareno de Brito / Othon Russo. Isn't this right? Let us know.