Não há como enteder, não há como explicar
O amor que Cristo sente por mim.
Não parece haver razão, nem tão pouco condição,
De alguém poder amar-te assim.
Mas eu posso acreditar.
Que Jesus não vai me abandonar.
Tal amor não compreendo, mas preciso aceitar.

Côro:
Eterno amor, sublime amor.
Que envolve minha vida, dissipa minha dor.
Eterno amor, sublime amor,
Que perdoa meus pecados e me faz um vencedor.

Sei que sou um pecador e não sou merecedor
Dos favores sem limites de Deus.
Ele mesmo me criou, Ele mesmo me salvou.
Aleluia! Sou um filho de Deus.
Quando a Guerra me cercar, ao meu lado Ele lutará.
No caminho da vitória, Ele então me guiará.

Eterno é o amor de Deus!

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct