Toda riqueza dessa vida pequena
Abre a janela, diz na língua, o coração
Ter a grandeza de perder todo dia
O medo e a calma de viver como havia
A dor é sempre por inteira pra me curar

Ter a destreza de andar pela vida
Pedra por pedra, recolher e semear
Toda pureza, quando a chuva começa
Renasce a flor do coração, precavida
A terra forte do caminho me perdurou

A natureza verdejando o que vejo
Trás a certeza que assim tudo é contido
Cada beleza tem seu começo em mim

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct