Aumenta o rádio para ouvir essa canção
Declaração de um cantor apaixonado

Enciumado com um caderno em uma mesa
Um copo e muita cerveja
E uma caneta na não

Enciumado com um caderno em uma mesa
Um copo e muita cerveja
E uma caneta na não

Apaixonado que era com eu
Centenas de casos de amor
Tem um verso que dizia
Meu coração te via loves de amor
Tem um verso que dizia
Meu coração te via loves de amor

Ah, ah, ah
Pelo rádio eu lhe mando um endereço
Pois eu moro nos bares e não esqueço

Aumenta o rádio para ouvir essa canção
Declaração de um cantor apaixonado

Enciumado com um caderno em uma mesa
Um copo e muita cerveja
E uma caneta na não

Enciumado com um caderno em uma mesa
Um copo e muita cerveja
E uma caneta na não

Apaixonado que era com eu
Centenas de casos de amor
Tem um verso que dizia
Meu coração te via loves de amor
Tem um verso que dizia
Meu coração te via loves de amor

Ah, ah, ah
Pelo rádio eu lhe mando um endereço
Pois eu moro nos bares e não esqueço
Aquele pobre com cana na mão

Ah, ah, ah
Pelo rádio eu lhe mando um endereço
Pois eu moro nos bares e não esqueço
Aquele pobre com cana na mão

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct
Written by: Fernandes Neto / Guedes Neto. Isn't this right? Let us know.