Eu venho em tua janela dizer adeus numa serenata
Desperta se estás dormindo porque a dor deste amor me mata
Com lágrimas nos meus olhos, adeus, querida, te deixarei
Parece que ainda estou vendo tu me dizer "Sempre te amarei"

Vou partir desconsolado
Par nunca mais regressar
Adeus tormento adorado
Sempre, sempre vou te amar

Se estou partindo agora, pois esqueceste teu juramento
É triste para quem ama cair na noite do esquecimento
Se acaso voltares um dia e sentires falta de quem te ama
Abrace forte este lado que está vazio em tua cama

Vou partir desconsolado
Par nunca mais regressar
Adeus tormento adorado
Sempre, sempre vou te amar

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct
Written by: Carlos Cezar / Roberio S. Campo / Tránsito Cocomarola / Virginia Kheer. Isn't this right? Let us know.
Sent by VALDERI. Revised by 2 people . Did you see an error? Send us your revision.