views 17

Não tem ordem muito justa, e nem progresso
Os anos se passaram e as promessas foram em vão
Por muito, muito tempo, somos esquecidos
E sempre lembrados em ano de eleição

Invade minha sala pra roubar minha atenção
Desde pequeno eu já desconfiava
Da sua pose e elegância na televisão
Do meu pai eu já ouvia ele a muito já falava

Corruptos! Cupins!
Eu vejo ratos em meu jardim
Anjos disfarçados!
Semblante farto de corrupção

Será que vamos ver, nosso país crescer?
Limpar toda sujeira, banir todo esse mal!
Será que vai existir honestidade e poder?
E um futuro menos individual!

Corruptos! Cupins!
Eu vejo ratos em meu jardim
Anjos disfarçados!
Semblante farto de corrupção

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct