As esferas criam sons
E mentes vão surgir (vão surgir)
A consciência reproduz
A luz e o movimento
Tempo e espaço
Me mantenho acordado

Olho veloz, memória e voz
Dominamos línguas, mas não temos bula não
Estou aqui!
Será que saímos com defeito?
Eterno retorno, o tempo é tão estreito
O mundo em que vivemos
O ódio que nos come a noção
E eu aqui!

Seu ódio mortal
Tudo sempre igual
Não julgue ou castigue o que é natural
Crie, invente e tente com a mente
Use a consciência para ver
Num universo plural, quando é real
O que se pode construir

Seu ódio mortal
Tudo sempre igual
Não julgue ou castigue o que é natural
As esferas criam sons e mentes vão surgindo
A consciência reproduz a luz e o movimento
Tempo espaço me mantenho acordado

Olho veloz memória e voz
Dominamos línguas, mas não temos bula não
E eu aqui!
Será que saímos com defeito?
Eterno retorno, o tempo é tão estreito
O que estamos criando?
Onde estamos vivendo?
O mundo é o cristo
O homem é a cruz
E todo esse ódio que nos come a noção
E eu aqui

Seu ódio mortal
Tudo sempre igual
Seu ódio mortal
Geral, geral
Raciocínio fechado unidimensional

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct