Photo of the artist Daniel Dalua

Mil Histórias de Amor

Daniel Dalua


Não sei se é amor, nem se é ilusão
Mas estou fascinado no seu jeito assim mandão
Gosta de falar, nunca quer ouvir
Porém te confesso que assim me faz sorrir

Você fica linda quando brava esta
Não sou seu escravo, mas tu quer ser sinhá
Vive me falando que eu devo aprender
A ser persistente pra na vida vencer

(Refrão)
Deixe esta chatice e vem comigo dançar
A vida é bela quando se sabe amar não sou diferente
Sou um compositor vivo e escrevo mil histórias de amor

Não sei se é amor, nem se é ilusão
Mas estou fascinado no seu jeito assim mandão
Gosta de falar, nunca quer ouvir
Porém te confesso que assim me faz sorrir

Você fica linda quando brava esta
Não sou seu escravo, mas tu quer ser sinhá
Vive me falando que eu devo aprender
A ser persistente pra na vida vencer

(Refrão)
Deixe esta chatice e vem comigo dançar
A vida é bela quando se sabe amar não sou diferente
Sou um compositor vivo e escrevo mil histórias de amor

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct