Um gole d'água pra passar a sede, eu lhe digo
É bem melhor que esse nó que dar na garganta
Mas a vizinha do lado falou e eu não ligo
Que esse menino que ta aqui do lado é sem dono

Alguém um dia me falou que na vida
Tudo o que tem demais só faz mal
Um cara do bar me concedeu sua vida
E a sensação de uma decepção maltrata o coração
E me dar uma contração no diafragma

Eu quero uma água que acabe soluço
E algo para agüentar a pressão, só o aço
Que tenha o ronco de um trovão, só um urso
Pra me deitar nesse chão eu me faço, eu me faço

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct