Todos os dias to brigando com meu corpo
Pra não te desejar
Vivo teimando com minha cabeça
Pra não pensar mais em você
Mas o segredo ta no coração
Não é cabeça, corpo, nada disso não
Ele é fraco, não resiste
Sempre acaba em suas mãos

Ah coração se eu pudesse te arrancava do meu peito
Mas, por saber que isso não tem jeito
Vou me arrastando e tentando me esconder
Ah coração me submeto sempre aos seus caprichos
Resisto mas você é submisso
No fim da história quem sofre sou eu
Sou eu, sou eu
Você da mole e quem sofre sou eu
Sou eu, sou eu
Você da mole e quem paga sou eu

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct