Photo of the artist Gazebo

Filho Neto de Um Avô

Gazebo


Acordei, notei que o sol não entrou em seu quarto
Levantei, não senti o cheiro do teu café
Corri ao seu encontro, pra ver como está você
E percebi que o pior é pensar que um dia eu vou te perder

E quando eu abrir a porta
Quero você em pé
Pra me confortar, em seu abraço
E quando eu abrir a porta
Quero te ver em pé
Pra me confortar em seus braços

Corri pra ver como você está
E percebi que o pior é pensar que um dia eu vou te perder
E quando eu abrir a porta
Quero te ver em pé
Pra me confortar, em seu abraço
E quando eu abrir a porta
Quero te ver em pé
Pra me confortar em seus traços

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct