Sobre as fraldas de serra altaneira
Radiosa, garbosa e gentil,
Ergue o colo a serrana e brejeira
Vila branca - rincão do brasil

Refrão

Do nordeste que estóico sereno
Tudo enfrenta na luta sem par,
Na estiagem teu porte moreno
É uma verde promessa a cantar

Redimida solânea desperta,
Teu destino surgiu da alvorada,
De um sonoro trinado de alerta
De fulgente e feliz madrugada.

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct