E o céu da boca dela é cheio de estrela
Do mar, vou usar meu telescópio, ei
E o céu da boca dela é cheio de estrela
Do mar, vou ir de submarino, ei

Desliga o celular, vamo' ligar nossas células
Transparente, me queima tipo celulose
Vejo tudo por dentro
Grandona, sem silicone

Nega, amo sua celulite
Mas se tu insiste
Vamos fazer um exercício, vem
Que viagem, ela é minha miragem

Se tivesse duas dela ia viver num ménage, hein
Se tivesse duas dela ia viver num ménage, hein
E eu, apaixonado pelo vem cá dela
Nem sei se ela gosta do meu vem, cadela

Quero fazer um churras sem falar que é vega
Esse negócio de amor livre te deixou azeda
Seu ex, freguês, ama zona
A diferença é que você é uma Amazona

Guerreira rara, Dandara, vinda da Amazônia
Seu feromônio, tem hormônio
Do melhor aroma
Na fala sou seco, cê sabe, cê saca

Cê fala: Me soca, antes que eu me seque
Soco na sua an não sei nem se quer
Seu CEP, só que, cê é gata, eu sou cão
Cê é minha ruby, só que cê que me roubou

Pensei em te roubar, só lembrei do seu rabo
Cê me fez um reiki, me senti um rei que
Dominava o rock, ou melhor, o rap
Dominava o rock, ou melhor, o rap

Não temos relação
Ela rela em mim, eu relo nela
É uma relação (ei)
Não temos relação

Ela rela em mim, eu relo nela
É uma relação
(Alô?)
Me tira da cela, quero vê-la

Acender vela (ei)
Sair dessa de toque na tela (ei)
Sem te ver eu fico naquela (ei)
Se tiver um tempo me liga (ei)

Ela faz um chá e vai ler
Eu quero uma rede e um chalé
Um tempo pra nós, pode ser
Pra ouvir cê falar o que quiser, e eu

Não vi sua mensagem porque
Já sabia o que cê ia dizer
Ela disse: Hot, vai ler
Eu sabia que ia chamar de cachorro

São águas passadas
Eu intenso tipo as chuvas de março
Ela é o último cigarro do maço
Eu acho que é de vidas passadas, mas

Como a bunda dela encaixa fácil
Tipo Lego, eu Legolas
Flecha no arco (foi)
O vento a favor, acerto o alvo

É jeito, num é força, nem o tamanho do braço (foi)
Ela pergunta: Dá pra ser?
Eu respondi: Dá prazer!
Melhor forma de aprender

Chegar junto e correr junto
Isso a gente sabe fazer
Acho que a gente sabe viver
Vou alugar um apê no Renascença

Fortificar sua crença, fazer umas criança (duas)
Pra ter mais motivo pra escrever
Podemo apagar o passado se você concorda (ei)
Deixa que eu levo, só segura a corda (ei)

Vamo pensar no futuro
Tipo quem arruma a cama quando acorda
Às vezes somos siameses
Sem essa de cio às vezes

Química
Acho que isso que é amor, né
Sem essa de cio às vezes
Parece que somos siameses

Química
Acho que isso que é amor, né
Cê tá fazendo falta aqui, precisa disso não
O tempo já é pouco, então pega a visão

Eu tô na porta da tua casa, abre se quiser
Mas se vier
Eu não devolvo mais não

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct