vistas 46

Tristeza

Inquérito


Tristeza não tem fim
Felicidade sim!

Cê acha o quê? Que é só assistir e escrever?
Que não absorvo, não sofro, não sinto, ou tenho dublê
Sempre trampando, viajando, cantando
Nem tudo é ganho, já perdi a mina que eu amo
Perdi os últimos dia de vida do meu pai
Achei que fosse dar tempo, só que não deu mais
Saudade é mal
Palavra singular que dói no plural
E por mais que abracem tua causa ou vistam teu sapato
Só você sabe o que é andar com seus pé de fato
Baguio foi punk, eu não vou cantar Pink
Morreu de cirrose, eu fui lá escrevi Um Brinde
E eu vi as coisas ficarem por um fio
Lembrei do som do Edi Rock, A Vida é um Desafio
E algo dizia
Calma Renan, vai passar
A gente é frágil que nem um papel, deixa Deus desenhar

Tristeza não tem fim
Felicidade sim!
O sofrimento também é uma escola

Penso nos dois sentidos que a palavra luto tem
Me lembra perda, mas lembra vitória também
Por que que o preto é a cor da dor? Raciocina
Se quem mais mata aqui é o branco da cocaína
O que rap pode até ser cru, ser violento
Mas traz mais paz que essas campanha do desarmamento
Temos milhões de acessos no Youtube
O povo sem acesso ainda vota no Maluf
Até Jesus foi traído por um beijo
Milhares de anos depois olha o que eu vejo
Político beijando criança em campanha
E roubando a grana da merenda depois que ganha (Judas)
E a juventude vai crescendo a míngua
Mas uma hora dessas esses moleque se vinga, hein?
Tomara a Deus que seja com a algum diploma, irmão
Cansamos de sangue derramado em vão

Tristeza não tem fim
Felicidade sim
O sofrimento também é uma escola