Ô ô ô, ô ô ô ô, ô ô ô ô, ô ô ô ô
Ô ô ô ô, ô ô ô ô, ô ô, ô
Tem o amor várias maneiras
Que ultrapassam as fronteiras
De qualquer reflexão
Bem, pode ser uma fogueira
Que se apaga na primeira
Breve chuva de verão

Eu vi, por amor sincero alguém jurar
A estrela Dalva ir buscar
E ao seu bem oferecer
Também, quem um dia viu a dor pousar
E num sonho azul de amor secar
Toda fonte do prazer

Ô ô ô, ô ô ô ô, ô ô ô ô, ô ô ô, ô
Sei, eu sei, que o amor é um mistério
O mais rico dos minérios
Que enriquece o coração
Mas, quando não levado a sério
Leva o trono do império
Pro domínio da ilusão

E faz, o mais duro coração chorar
No escuro uma luz brilhar
Como por encanto e assim
Quem souber contar
O segredo do amor terá
O sublime dom de revelar
O princípio e o fim
Ô ô ô, ô ô ô ô, ô ô ô ô, ô ô ô ô

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct
Written by: Jorge Aragão / Luiz Carlos Da Vila. Isn't this right? Let us know.
Sent by Thiara. Revised by 2 people . Did you see an error? Send us your revision.