Ai que saudades que eu tenho
Da minha Lagoa
Que era só minha e da Conceição
Cervejinha gelada
E aquela peixada
Com camarão frito
Violão ao luar, meu irmão
Não era mole não
E as namoradas
Que a gente levava pra passear
Dava o que falar
Mas era bom
Não esqueço mais não

Tempo de carnaval
Tamborim repicava no meio da rua
Era samba do bom
Samba do chão
Ai que saudades que eu tenho
Da minha Lagoa
Era bom
Era bom
Era bom

Tempo de carnaval
Tamborim repicava no meio da rua
Era samba do bom
Samba do chão
Meu Deus, que saudades
Da minha Lagoa
Era bom
Era bom
Era bom

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct