De Braços Abertos

Mariza

vistas 507

Da janela vês o mar e esta paz é tão maior
Como se parasse o tempo ao pé de nós
Como um sonho em que se vai feito de asas e de gente
Que se entrega a cantar numa só voz

Sabes que vou chegar de braços abertos
Sabes que vou chegar de braços abertos (bis)

Sou da terra de quem diz que a vida é uma canção de amor,
Que toda a gente vive o sonho que quiser
É voar e ser feliz, para dar e ser melhor
Sabes que vou chegar de braços abertos

Há uma terra que te espera, há um céu que aconteceu
E o sol queimando as pontas do amor
Há uma lua que se deita para deixar amanhecer
Aqui, anda, me traz ao calor.

Sabes que vou chegar de braços abertos
Sabes que vou chegar de braços abertos (bis)

Sou da terra de quem diz que a vida é uma canção de amor,
Que toda a gente vive e sonha o que quiser
Sou da terra da kisaca, da mulemba, do tambor
Sabes que vou chegar de braços abertos

Da janela vês o mar e esta paz é tão maior
Como se parasse o tempo ao pé de nós, fazer amigos, viajar
É o que nos faz sentir que a vida é melhor
Vou voar e voar

Sabes que vou chegar de braços abertos
Sabes que vou chegar de braços abertos (bis)