views 16

Histórias

Max Gasperazzo


Trago em meu coração
Os testemunhos que eu já vivi
O doce menina dos sonhos, o bem-te-vi
O pranto tirado a força
Um talismã na minha vida
A bela dama da noite
Nunca esquecida
Aquela praça dos pombos
Com seus ditadores e seus canhões
E a flor que carrega no peito
Um simples botão
Os truques que o tempo nos ensina
Nas estradas, nas avenidas
E os planos que nos transformam
Em ovelhas perdidas
A lua a espiar no seu alforje
A viração
E o ABC que semeia conscientização
Já fiz a minha reciclagem
Em meus poemas, trovas e versos
Errei o trilho mas voltei
Envolto em mistérios
Meu canto é um canto de paz
Relembrando histórias escritas a mão
É a dor que ainda arde no peito
Bem no coração
E tudo passou como um sonho
Estou zerado em meu ninho de sonhos
Nesse mundo em conflito sou um cidadão

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct