Não sei onde você anda
Que caminhos escolheu
Meu amor já não te alcança
Quem será que te escondeu
Recebi o seu retrato
Surpresa que alguém me fez
Eu invejo a polaróide
Que te viu mais uma vez
E me agarro a este sorriso
Se apagando a cada dia
Seu olhar está doendo
Se eu pudesse esqueceria

Coração, como é que faz?
Cada vez eu amo mais

Eu queria ficar livre
Quando disse aquele adeus
Resolver o meu problema
E esquecer de vez os seus
Já em plena liberdade
Fui tentando te esquecer
Coração sem alforria
Segue escravo de você
Disse adeus ao meu sorriso
Despedi minha esperança
Vou correndo tanto, tanto
Mas passado não se alcança

Coração, como é que faz?
Cada vez eu amo mais

Não sei onde você anda
Com quem anda e o que é que faz
Faz um ano ou dois, não sei
Sei que dói um dia mais
E me pego conversando com você
Sem ter ninguém
Abro a porta, arrumo o quarto
Mas cadê, você não vem
Se quiser vem de visita
Sei que mais eu não mereço
A esquina da saudade
Ainda é meu endereço

Coração, como é que faz?
Cada vez eu amo mais
Coração, como é que faz?
Cada vez eu amo mais

por nelson de campos

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct