Se eu abrir o meu coração
tu me aceitaras como estou
derramado
um vaso quebrado no chão
o que dizer?
quando eu mais preciso
as palavras escapam de mim
nada tenho,nada sou
se eu tiver essa chance de te conhecer
tenho sede
como a planta secou e os galhos o vento levou
mas eu estou de braços abertos
buscando um abrigo em ti
se tu me aceitas como estou

a minha oferta eu darei
de coração a ti senhor!
de corpo e alma está será
a minha vida a ti senhor!

no mundo tanto me gastei
sonhos vazios procurei
o teu amor me segurou
e hoje eu vim te ver senhor!

usa-me
tuas promessas quero refletir
quero andar sobre os teus passos
firmados em marcas no chão
te seguirei
por vales de sombras contigo não temerei
se tu me aceitas como eu estou


a minha oferta eu darei
de coração a ti senhor!
de corpo e alma está será
a minha vida a ti senhor!

no mundo tanto me gastei
sonhos vazios procurei
mas teu amor me segurou
e hoje eu vim te ver senhor!

te ver...te ver... senhor!

leva-me pra onde for
se tu me aceitas como estou
em teus braços quero estar
se tu me aceitas como estou

leva-me pra onde for
se tu me aceitas como estou
em teus braços quero sempre estar
se tu me aceitas como estou.

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct