No rancho que eu fiz pra dois
Tenho noites mal dormidas
Inverno as penas depois
De tantas horas perdidas
O tal de amor tem manias
Jamais vai ser transparente
Chega-se a campo alguns dias
Depois se aparta da gente

Quando a saudade partir
Vou ter cancha pra viver
Quero cantar e sorrir
No meu próprio renascer

Não há bem para ficar
Nem mal que não tenha fim
Na estrada vais encontrar
Coisas que lembram de mim
Sou sempre o mesmo campeiro
Que o pago inteiro conhece
Pois o dia, meu parceiro
Não é o mesmo que amanhece

Quando a saudade partir
Vou ter cancha pra viver
Quero cantar e sorrir
No meu próprio renascer

No rancho que eu fiz pra dois
Tenho noites mal dormidas
Inverno as penas depois
De tantas horas perdidas
Dela restou a lembrança
Já querendo se apagar
Pra mim, certeza e confiança
Que a vida vai continuar

Quando a saudade partir
Vou ter cancha pra viver
Quero cantar e sorrir
No meu próprio renascer

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct
Written by: Luiz Carlos Lanfredi / Vilmar Vila de Menezes · This isn't the songwriter? Let us know.
Sent by Jocelio
Did you see an error in the lyrics? Send us your correction.