visualizaciones de letras 102.585

Blusinha Branca

Papas da Língua

REFRÃO DUAS VEZES

De blusinha branca
De blusinha branca
Sentada no muro
De blusinha branca
O meu amor namora

PRIMEIRA PARTE

O amor não tem hora
O amor pode ser
Que não seja agora
O amor pode ser
Uma desilusão
Quando bate à porta
Meu amor não me deixa dormir
Meu amor não me deixa fingir

DUAS VEZES

Meu amor se esconde
Só Deus sabe onde
É que ele mora

REPETE REFRÃO

Quando a chuva começa
Ela não se apressa
Ela não vai embora
Deixa a chuva saber
Que o seu corpo molhado
Me desespera
Por debaixo da blusa é que está
Toda felicidade que há

DUAS VEZES

E o que está escondido
Em sua blusa branca
Me faz suspirar

REPETE REFRÃO
VOCALIZAÇÃO:
REPETE PRIMEIRA PARTE
TRÊS VEZES:

Sentada no muro
De blusinha branca

Agregar a la playlist Tamaño Acordes Imprimir Corregir
Compuesta por: Léo Henkin. ¿Los datos están equivocados? Avísanos.

Comentários

Envie dúvidas, explicações e curiosidades sobre a letra

0 / 500

Faça parte  dessa comunidade 

Tire dúvidas sobre idiomas, interaja com outros fãs de Papas da Língua e vá além da letra da música.

Conheça o Letras Academy

Enviar para a central de dúvidas?

Dúvidas enviadas podem receber respostas de professores e alunos da plataforma.

Fixe este conteúdo com a aula:

0 / 500


Opções de seleção