Eu quero levar uma vida moderninha
Deixar minha menininha sair sozinha
Nao ser machista e nao bancar o possessivo
Ser mais seguro e nao ser tao impulsivo

Mas eu me mordo de ciúmes
Mas eu me mordo de ciúmes

Meu bem me deixa sempre muito à vontade

Ela me diz que é muito bom ter liberdade
Que nao há mal nenhum em ter outra amizade
E que brigar por isso é pura crueldade

Mas eu me mordo de ciúmes
Mas eu me mordo de ciúmes

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct