Às vezes até o fim
Pode ser o melhor
O que tava ficando ruim
Vai sempre acabar pior
Porque quase nada é perfeito
Quase sempre dá defeito
Não é culpa de ninguém
O que eu não tenho eu vivo sem
Eu não vou ser teu freio de mão
Vá viver os meus sonhos como bem quiser
Eu não vou ser teu freio de mão
Não se tira a liberdade de ninguém
É um preço impossível de pagar
Até o amor morre também
Se a alma sufocar
Não, não, nada, nunca é perfeito
Quase sempre dá defeito
Não é culpa de ninguém
Se eu vou pro lado e tu não vem
Eu não vou ser teu freio de mão
Vá viver os meus sonhos como bem quiser
Eu não vou ser teu freio de mão (Freio de mão)
Vá viver os meus sonhos como bem quiser!

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct