Enquanto você dorme, eu corro a cidade
Só pra te acordar com uma serenata
O problema é que tá frio, o caminho é vazio
Eu só tenho um violão e a camisa é regata

Mas mulher eu tô tentando
Tô fazendo vários planos
Tô escalando o pão
E vou pular a janela
Não trouxe café da manhã não
Só tinha condução
Te trouxe, uma rosa amarela

Sei que é sua predileta, tão discreta
Mas tá toda amassada com o aperto do busão
Mas sei que você não liga, espera eu melhorar de vida
E te acordar com Nutella no pão

É tão lindo te ver quando acordar
Ver o teu sorriso é tudo o que eu preciso pra viver
Me apaixonar de novo sempre que te olhar
O sorriso é meu, mas o motivo é você

Enquanto eu caminho de volta pra casa
Procuro entender o que há de errado
Tudo bem que você é uma princesa
Merece a realeza e não esse cara tão largado

Sei que não liga pra nada que eu tenho afinal
Não tenho nada mesmo, a não ser você
Por isso eu giro o mundo com um violão
E com um buquê na mão só pra poder te ver

E se da minha voz você cansar
Prometo que em libras aprendo a falar
Nesse caminho frio, o quarteirão vazio
Achei um canetão tô querendo pichar

Pichar pro mundo inteiro ver que eu te amo
Pichar pro mundo inteiro ver que eu te quero
E se seu pai embaçar com pichador
E adiar o nosso amor, picho no portão que te espero

É tão lindo te ver quando acordar
Ver o teu sorriso é tudo o que eu preciso pra viver
Me apaixonar de novo sempre que te olhar
O sorriso é meu, mas o motivo é você

Enquanto você dorme, eu corro a cidade

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct