O Babulina, pega na guitarra, my friend
Pega o violão e faz o jongo pra gente ver
Escreve uma canção pra preto velho descer, aluandê
Cante uma canção pra preto velho sambar, aluandê

Baba bububu ba!
Babulina ai ai ai ai ai!
Baba bububu ba!
Babulina!

Babulina das negas Teresa, Domingas dominicais
num domingo eu dancei com você cheio de poesia!
Para nunca mais eu dançar esperando ele
para nunca mais eu ficar esperando ele
para nunca mais eu dançar esperando ele
para nunca mais eu ficar sem teu som
Babulina!

Para nunca mais eu ficar sem teu som
Babulina!

Iorubá!
Iorubá, iê!
Iorubá!
Iorubá, iê!
Iorubá!
Iorubá, iê!

Babulina das negas Teresa, Domingas dominicais
num domingo eu dancei com você cheio de poesia!
Para nunca mais eu dançar esperando ele
para nunca mais eu chorar esperando ele
para nunca mais eu ficar esperando ele
para nunca mais eu ficar sem teu som
Babulina!

Para nunca mais eu ficar sem teu som
Babulina!
Para nunca mais eu ficar sem teu som
Babulina!
Para nunca mais eu ficar sem teu som
Babulina!

Iorubá!
Iorubá, iê!
Iorubá!
Iorubá, iê!
Iorubá!
Iorubá, iê!

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct