Não me deixe intacto
Num retrato,
Num canto da carteira, dentro de uma bolsa
Babe, me ouça
Eu quero uma razão para ficar

Respirar respiração boca a boca
Mesmo depois de me afogar
E eu que nem sei nadar, nem me importo
A inércia, às vezes, é o pior terremoto

Babe, me ouça
De nada vale ter o céu guardado dentro de uma bolsa
Babe me ouça de nada vale ter o céu inteiro dentro de uma bolsa

Como as rosas ferem os loucos
Como as lágrimas enxáguam o rosto
Como os barcos buscam o porto
Eu quero uma razão para ficar

Respirar respiração boca a boca
Mesmo depois de me afogar
E eu que nem sei nadar, nem me importo
A inércia às vezes é o pior terremoto

Babe, me ouça
De nada vale ter o céu guardado dentro de uma bolsa
Babe me ouça de nada vale ter o céu inteiro dentro de uma bolsa

Babe, me ouça
Uma hora sempre chove
Seja o céu, papel ou louça

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct
Written by: Angelo Marcos / Rafael Osti. Isn't this right? Let us know.