views 20

Não me Chame de Jumento

Tom Cavalcante


Vou peregrinar
Ao local sagrado do nascimento
Não tenho culpa se doeu
Não me chame de jumento

Bati com a cabeça
Na porta dos fundos eu tentei entrar
Você me disse
"Não, aqui não é o seu lugar"

(Refrão)
Não vai doer meu bem
Não vou te machucar
Não tem ombro, eu já entrei
Mas eu não quero
Nunca estar no seu lugar

Não tenho culpa se nasci assim
Aí um analista me comeu e disse:
"Pois as cuecas, já não cabem em mim"
Não tem ombro eu já entrei (tô dentro)
Sou violento, mas não me chame de jumento

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct