Ninguém nunca vai ver
Eu me lamentando
Pelos cantos chorando
Agindo feito um louco
Brigando com o mundo
E revoltado com a vida

Diz um ditado certo
Ninguém é de ninguém
Se o amor não deu certo
Logo outro vem
Eu posso até sofrer
Mas logo encontro saída

Se alguém lhe deixou porque ele não era seu
Só quero quem me quer assim penso eu
Que o leite derramado não vale chorar

Se alguém lhe deixou porque ele não era seu
Só quero quem me quer assim penso eu
Que o leite derramado não vale chorar

Ninguém morre de amor
(A cada amanhecer começa uma nova história)
Ninguém morre de amor
(O que não me faz bem apago da memória)

Ninguém morre de amor
(A cada amanhecer começa uma nova história)
Ninguém morre de amor
(O que não me faz bem apago da memória)

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct