Levantou-se contra Davi, um homem chamado Seba
Repartindo todo o povo contra o rei, querendo contra o rei fazer guerra
Então Davi ordenou à Absai, homens valentes, soldados de guerra
Traiçoeiramente Joabe matou Amasa
Assumindo todo o comando do exército
E assim foram à perseguir Seba

Foram atrás de Seba, mas uma coisa aconteceu
Uma mulher sábia, porém sem nome ali apareceu
Então ela gritou e disse à Joabe
Chega-te até aqui para que eu te fale
Então ele parou, e disse o que queres?
E ela assim falou:

Senhor,sou uma das pacíficas e fiéis de Israel
E tu procura matar uma cidade que é mãe?
E ele disse: Longe de mim que eu tal faça
Porém um só homem do monte Efraim
Cujo nome é Seba levantou-se a mão contra Davi
Entrega-me só a este, e retirar-me-ei da cidade

E a sabedoria daquela mulher
Convenceu a Joabe a não destruir a cidade
Juntou todo povo como assim prometera
Cortaram lhe a cabeça
Jogaram pelo muro e foi feita justiça

Seja sábia no andar
Seja sábia no falar
Seja sábia no vestir
Seja sábia no olhar
Seja sábia no tocar
Faça a diferença!

Por onde passar, como aquela mulher
Que sem reclamar marcou toda uma história
Porque foi conhecida como a Mulher Pacífica!

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct