Enamorada do mar, do céu, do luar
Sabe quem é, posso contar
É a cabocla que inspira os poetas que falam de amores
É a cabocla dengosa, é a cabocla bonita
De nossa terra formosa

Eu fui ver
A cabocla correr para dentro da mata
Eu fui ver
Eu fui ver
A cabocla enfeitada como o véu da cascata
Eu fui ver
Eu fui ver

A cabocla deitada na relva entregando
O corpo moço ao velho sol
Eu fui ver
Já quando a noite tropical chegou
O papelão que a lua fez no céu
E o ar caboclo desapareceu

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct