No asfalto também tem João
João Ninguém
Na vida, tudo que é seu, até opinião
Também está perdida
Seu direito é lamentar
O sofrer do seu irmão
Que viveu sem reclamar
Por que também era João
Nesse mundo estranho e singular
Todo feito de ilusão
Onde poucos querem tudo e nada têm
E muitos com fome não têm pão

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct