Photo of the artist C4 Pedro

Até Que a Morte Nos Separe (part. Sutak)

C4 Pedro


Sempre te disseram que eu era um player
Que amar é contra a minha conduta
Há uns segundos atrás eu também pensava assim
Mas te vendo aqui jogando a toalha no tapete
Chorando por um homem que não te merece
Fez-me ver o mulherzão que sempre esteve comigo aqui

(Arruma as tuas coisas)
Sei que estás cansada de tantas mentiras
E o que eu disser soará outra mentira, baby
(Já passei da conta)
Foram mais de uma, duas, sei lá
Uma decepção atrás da outra

Aqui de joelhos eu eu te prometo
Ser teu homem a tempo inteiro
Dar-te amor e o respeito
Aqui de joelhos, eu juro
Não deita por terra essa chance
Estarei firme aqui

Até que a morte nos separe
(Pare pare pare)
Até que a morte nos separe
(Pare pare pare)

Sei que dizem: Bandido não deixa, dá um tempo
A minha palavra não tem mais peso do que o vento
Só posso queixar-me de mim, foste tão infeliz
Te imploro que fiques, garanto os meus erros corrigir
Eu te peço votos de confiança
Não te deixes levar pela raiva
Pra tudo a uma primeira vez
Esse bandido não quer te perder

Aqui de joelhos, eu te prometo
Ser teu homem a tempo inteiro
Dar-te amor e o respeito
Aqui de joelhos, eu juro
Não deita por terra essa chance
Estarei firme aqui

Até que a morte nos separe
(Pare pare pare)
Até que a morte nos separe
(Pare pare pare)

Não vai embora, fique aqui
Mais uma chance, imploro-te

Aqui de joelhos, eu te prometo
Ser teu homem a tempo inteiro
Dar-te amor e o respeito
Aqui de joelhos, eu juro
Não deita por terra essa chance
Estarei firme aqui

Até que a morte nos separe
(Pare pare pare)
Até que a morte nos separe
(Pare pare pare)

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct