views 12

Medo

Às vezes eu fico aqui pensando
O que eu podia fazer pra melhorar
Uma festa dentro de um convento
Às vezes eu não me entendo por dentro
Uma vida em quatro paredes
Uma janela e eu com medo de pular
Só pra ver o que tem lá fora
Uma vida inteira ooooo

Tenho medo

Medo de ser sequestrado, roubado, ferido e machucado
Por aquele povo que eu amo e quero que cresça
Paz no futuro e glória no passado, mas o futuro é ainda condenado
Não adianta nem dizer que vai mudar se não param nem pra pensar
Na política, no esporte, na tv, não adianta a gente vê se nem na escola a gente aprende, se nem na escola a gente aprende

Tenho medo

Submit Translation Add to playlist Size Tab Print Correct