Não importa o que aconteça
Eles têm olhos pra você e eu
E nem serve pra nada esquentar nossa cabeça
É tudo deles, não é nada seu

Eles controlam o que a gente vê
E criam mitos pra amedrontar
Mas o que eles não sabem é que eu e você
E tantos outros vamos revidar
E todos juntos vamos revidar
E todos juntos vamos revidar

Apenas um nessa multidão
Na voz, o eco da revolução
Eu sempre segui o meu coração
Uma ideia em ebulição
Uma corrente de alta tensão
O que me atinge vira munição

Essa ideia de que somos um só
Parece tão clara para mim
Pois nem matando cada um de nós
O nosso fogo não se apaga assim

É madrugada e os que acordaram
Estão prontos pra entrar em ação
Mas em silêncio, pois eles dominam
Os jornais e a televisão
Os jornais e a televisão

Apenas um nessa multidão
Na voz, o eco da revolução
Eu sempre segui o meu coração
Uma ideia em ebulição
Essa corrente de alta tensão
Não tenha culpa de ter convicção

Apenas um nessa multidão
Na voz, o eco da revolução
Eu sempre segui o meu coração
Uma ideia em ebulição
Corrente de alta tensão
O que me atinge vira munição
Não tenha culpa de ter convicção
Liberdade sem voz é prisão

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct