Quem diria que estar ao teu lado
Fosse uma dose de pecado
Escorrendo em teus lábios
Abriu a porta pro meu vício
Uma janela pro precipício
Desejo, súplica, suplício
Me colocou de joelhos, leu os meus segredos
Zombou dos meus medos, fui mais que um brinquedo
Um sabor inconsequente, em liberdade aparente
Maldade e desejo no olhar
Um vício e uma história pra contar
Com sua malícia apostou bem alto
Jogou duro, caí como um pato
Canceriano nato
No recado que ela deixou
Bye-bye baby, Você foi um amor
Mas esqueça o que rolou
Me colocou de joelhos, leu os meus segredos
Zombou dos meus medos, fui mais que um brinquedo
Um sabor inconsequente, em liberdade aparente
Maldade e desejo no olhar
Um vício e uma história pra contar
Se eu disser que tua ausência
Desmentiu a minha crença
De que eu não vivo sem você
Só uma curva nessa estrada
Conduzindo à uma encruzilhada
Tédio, chatice, uma broxada
Me colocou de joelhos, leu os meus segredos
Zombou dos meus medos, fui mais que um brinquedo
Um sabor inconsequente, em liberdade aparente
Maldade e desejo no olhar
Um vício e uma história pra contar
Um sabor inconsequente, em liberdade aparente
Maldade e desejo no olhar
Um vício e uma história pra contar, yeah

Send Translation Add to playlist Size Tab Print Correct